Música

160 anos de Joaquim Callado, o Pai do Choro
JOAQUIM ANTÔNIO DA SILVA CALLADO JR. | 1848 – 1880

quarta, 11 de julho de 2018

Compartilhar:

Nascido no Rio de Janeiro, dia 11 de julho de 1848, Joaquim Antônio da Silva Callado Jr. é conhecido como o nome mais importante para a criação do choro por ter formado o primeiro grupo conhecido do gênero, tendo a formação que serviu de base para todos os grupos de choro surgidos através dos séculos, o Choro do Callado, ou Choro Carioca. Apoiado em um quarteto básico (flauta, cavaquinho e dois violões), os chorões foram muito importantes na divulgação e consolidação da música popular. Seu legado continuou nos sopros de Patápio Silva, Pixinguinha, Benedito Lacerda e Altamiro Carrilho.

Visando recuperar o acervo das obras de artistas como, entre outros, Anacleto de Medeiros, João Salgado, Luiz Brandão, Leandro da Sant´anna e claro, Joaquim Calladoa Petrobras Música apresentou, no ano de 2001, a coletânea PRINCÍPIOS DO CHORO em cinco volumes, cada uma delas com três CDs diferentes, reunindo 215 choros e contando um pouco da memória do principal e mais brasileiro dos gêneros musicais. As interpretações ficam a cargo de Luciana Rabello e de músicos convidados. A produção ficou por conta dos nossos amigos da Biscoito Fino e também da Acari Records.

Não há memória brasileira sem a música, não há música brasileira sem o choro, por isso, em homenagem aos 160 anos de Joaquim Callado, extraímos o texto do encarte do primeiro volume, onde o pioneiro aparece no CD 3 ao lado de Guilherme Cantalice e Duque Estrada Meyer.

Boa leitura!