Orquestra Petrobras Sinfônica apresenta série de concertos em Tributo à Cartola

terça, 14 de janeiro de 2020

Compartilhar:

Versos conhecidos como “A sorrir/ Eu pretendo levar/ A vida...” e “Queixo-me às rosas/ Que bobagem/ As rosas não falam/ Simplesmente as rosas exalam/ O perfume que roubam de ti...” ganharão uma nova roupagem da Orquestra Petrobras Sinfônica em janeiro. Antecipando o Carnaval e já entrando no clima da festa do Rei Momo a Petrobras Sinfônica apresentará uma série de concertos gratuitos em homenagem a um dos maiores sambistas da história da música brasileira: Cartola. Serão cinco apresentações, através da Série Pelo Rio, entre os dias 17 e 26 de janeiro, em espaços como Casa do Choro, Centro da Música Carioca, Parque Lage e Teatro da UFF

O projeto em homenagem a Cartola foi lançado em dezembro de 2018, no âmbito das comemorações aos 110 anos de nascimento artista. Com arranjos de Marcelo Caldi, o disco possui sucessos como “As Rosas Não Falam”, “O Mundo é um Moinho”, “O Sol Nascerá”, “Alvorada”, “Minha”, “Peito Vazio”, “Preciso Me Encontrar”, “Que Sejas Bem Feliz”, “Disfarça e Chora”, “Tive Sim” e “Ensaboa”. Os clássicos vão compor o programa das apresentações, que será feita por um grupo de câmara. 

A Série Pelo Rio, da Petrobras Sinfônica, tem o objetivo de levar a música clássica para fora das casas de concerto, integrando ainda mais o dia a dia da população, chegando a lugares públicos, instituições de ensino, hospitais, entre outros espaços. 

Sobre a Orquestra Petrobras Sinfônica 

Aos 47 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres e patrocinada pela Petrobras desde 1987, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como Diretor Artístico e Regente Titular o maestro Isaac Karabtchevsky, o mais respeitado regente brasileiro e um nome consagrado no panorama internacional. 

Modelo de gestão: A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra a orquestra, possui uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos. 

Sobre a PETROBRAS: A Petrobras completou 33 anos de patrocínio da Orquestra Petrobras Sinfônica em 2019. Uma parceria essencial para mantê-la entre os principais conjuntos da América Latina, sempre desenvolvendo um importante trabalho de democratização da música clássica e de renovação do público do gênero. 

Programação 
Sammy Fuks, flauta
Francisco Gonçalves, oboé
Igor Carvalho, clarineta
Elione Medeiros, fagote
Josué Silva, trompa
Vinícius Lugon, trompete
João Luiz Areias, trombone
Eliezer Rodrigues, tuba
Pedro Moita, percussão 

ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA); CARLOS MOREIRA DE CASTRO (CARLOS CACHAÇA) Alvorada 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) Minha 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) O mundo é um moinho 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA); ELTO ANTONIO DE MEDEIROS (ELTON MEDEIROS) Peito Vazio 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) Preciso me encontrar 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) Que sejas bem feliz 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA); DALMO MARTINS CASTELLO Disfarça e chora 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) Tive sim 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) As rosas não falam 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA) Ensaboa 
ANGENOR DE OLIVEIRA (CARTOLA); ELTO ANTONIO DE MEDEIROS (ELTON MEDEIROS) O sol nascerá 

Serviço 
17/01 – Casa do Choro (Rua da Carioca, 38 – Centro), às 19h – Entrada gratuita
18/01 – Casa do Choro (Rua da Carioca, 38 – Centro); às 17h – Entrada gratuita
19/01 – Centro da Música Carioca (Rua Conde de Bonfim, 824 – Tijuca), às 11h – Entrada gratuita
25/01 – Parque Lage (Rua Jardim Botânico, 414 - Jardim Botânico), às 11h – Entrada gratuita
26/01 – Teatro da UFF (R. Miguel de Frias, 9 - Icaraí, Niterói), às 18h – Entrada gratuita 


Encaminhado por: Assessoria de Imprensa Orquestra Petrobras Sinfônica
Foto: Imagem de divulgação

Comentários

Divulgue seu lançamento