Tema do Mês

Parcerias de músicos brasileiros com artistas estrangeiros que marcaram a história

segunda, 03 de maio de 2021

Compartilhar:

Ao longo dos anos, muitos artistas brasileiros fizeram gravações de músicas ou até discos inteiros com astros internacionais que se tornaram grandes sucessos ou entraram para a história da nossa música popular. 

Fizemos aqui uma seleção de algumas dessas parcerias marcantes. Claro que é impossível citar todas. Então, se sentir falta de alguém, comenta com a gente pra somar com o IMMuB nesse conteúdo! ;D

Confira logo abaixo! 

João Gilberto e Stan Getz

Em 1964, João Gilberto gravou com o saxofonista de jazz norte-americano Stan Getz o clássico disco “Getz/Gilberto”, que fez história. Com repertório composto por músicas de Tom Jobim, Dorival Caymmi e Ary Barroso e participação de Jobim e Astrud Gilberto, o disco fez a Bossa Nova explodir definitivamente no resto do mundo. “Getz/Gilberto” vendeu 2 milhões de cópias somente em 1964, ganhou quatro prêmios Grammy, incluindo Melhor Disco do Ano e ficou 96 semanas em segundo lugar na parada pop da revista Billboard, atrás somente do álbum “A Hard Day´s Night”, dos Beatles. 


Tom Jobim e Frank Sinatra

Conhecido internacionalmente desde 1962, quando a Bossa Nova estourou no resto do mundo, Tom Jobim foi convidado por ninguém menos que Frank Sinatra para gravar um disco em  conjunto. “Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim” foi lançado em março de 1967 e reuniu os dois músicos cantando versões em inglês de clássicos da Bossa Nova, além de standards do jazz em arranjos bossanovistas. O resultado foi um disco de suma importância, tanto para Jobim, quanto para Sinatra. Definitivamente, um clássico universal. 


Gilberto Gil e Jimmy Cliff

Em 1980, quando o astro do reggae jamaicano Jimmy Cliff veio ao Brasil, Gilberto Gil abriu todos os shows de sua turnê por aqui e cantou com ele em diversas apresentações. Na mesma ocasião, os dois gravaram um especial para a Rede Globo, como parte da série “Grande Nomes”. 


Fábio Júnior e Bonnie Tyler

Em 1986, no álbum “Sem limites pra sonhar”, Fábio Junior contou com a participação da cantora galesa Bonnie Tyler na faixa que dá nome ao disco, versão de “Reaching For The Infinite Heart”. A cantora era muito conhecida no Brasil pelos hits Total Eclipse of The Heart” e “It´s a Heartache”. Um encontro marcante de dois artistas associados ao pop romântico.  


Chitãozinho e Xororó e Bee Gees

Em 1993, a dupla Chitãozinho e Xororó se uniu ao trio Bee Gees, conhecido mundialmente pela febre da disco music nos anos 1970, com sucessos como “Staying Alive”. A parceria histórica aconteceu com a regravação da música “Words”, adaptada para “Palavras”, com novos versos também em português.


Sandy e Andrea Bocelli

Em 1997, o tenor italiano Andrea Bocelli lançou no Brasil o single “Vivo por ella” em parceria com Sandy, que então integrava a dupla Sandy & Junior. A música fez muito sucesso nas rádios e os dois voltaram a se encontrar nos palcos em diversas ocasiões depois disso.


Zezé di Camargo e Luciano e Julio Iglesias

Em 2001, Zezé di Camargo e Luciano se uniram ao espanhol Julio Iglesias, um dos maiores cantores românticos do mundo, na música “Dois Amigos”, cantada em português. 


Maria Bethânia e Omara Portuondo

Conhecida mundialmente graças ao documentário “Buena Vista Social Clube”, a cantora cubana Omara Portuondo se reuniu com Maria Bethânia em 2006 em um disco em conjunto lançado pela Biscoito Fino. O repertório mistura canções brasileiras e cubanas dos anos 50. As duas presentearam o público com um trabalho antológico e ainda embarcaram juntas em uma turnê de divulgação pelo Brasil. 


Vanessa da Mata e Ben Harper

Em 2007, no álbum “Sim”, Vanessa da Mata lançou a música “Boa Sorte/Good Luck”, parceria com o músico californiano Ben Harper. A faixa estourou, se consolidou como um de seus maiores sucessos até hoje e impulsionou a carreira de Ben Harper no Brasil.  


Ivete Sangalo, Alejandro Sanz, Brian McKnight e Shakira

Uma das cantoras de maior sucesso no Brasil, Ivete Sangalo já fez diversas parcerias internacionais. Em 1999, ela participou da versão remix da música “Back At One”, lançada pelo cantor americano Brian McKnight. Anos depois, no famoso álbum “Multishow Ao Vivo No Maracanã”, de 2007, ela recebeu como convidado especial o cantor espanhol Alejandro Sanz para cantar um dueto da música “Corazón partío”, que se tornou um grande sucesso radiofônico no Brasil. Em 2012 os dois se encontraram novamente com o lançamento da faixa “No me compares”. Em 2011, Ivete Sangalo participou do show da colombiana Shakira no Rock In Rio, cantando a música “País tropical”. Um ano depois, gravaram juntas uma versão da música “Dançando”, que foi incluída no álbum “Real Fantasia”, de Ivete, mas só chegou às plataformas digitais em 2020 por um acordo entre as gravadoras. 


Jota Quest e Nile Rodgers

Em 2013, Jota Quest lançou o álbum “Funky Funky Boom Boom”, com produção de Jerry Barnes, da lendária banda Chic. O álbum contou com a música “Mandou Bem”, feita em parceria com o guitarrista Nile Rodgers, também da banda Chic, considerado um dos melhores do mundo. 


Roberto Carlos e Jennifer Lopez

Em 2016, Roberto Carlos lançou em seu especial da TV Globo a música “Chegaste”, gravada em dueto com a cantora norte-americana Jennifer Lopez, que na faixa gravou pela primeira vez em português.  


Anitta e Madonna

No álbum “Madame X”, lançado por Madonna em 2019, a estrela do pop internacional contou com a participação de Anitta na música “Faz Gostoso”, um funk lançado originalmente pela portuguesa Blaya. Na versão de Madonna, ela canta versos em inglês e português.  


Comentários

Divulgue seu lançamento