Supersônicas

A música é meu país
DVD de Fred Martins

segunda, 08 de maio de 2017

Compartilhar:

Compositor de artesania refinada ainda não difundido na medida em que merece, o fluminense Fred Martins abre o leque de sua obra multifacetada no DVD “A música é meu país” (Sete Sóis/ Tratore/ Canal Brasil/ Calabouço Filmes).

Da sarcástica e politizada “Madame maldade”, sátira às paneleiras de ocasião, à lírica “Amo tanto”, Fred reveza parceiros (Roberto Bozzetti, Marcelo Diniz, Alexandre Lemos, Manoel Gomes, Ana Terra, Suely Mesquita) e climas.

A maior parte da gravação foi realizada ao vivo, no Teatro da Universidade Federal Fluminense, em Niterói, palco onde o solista debutou. Mas também há gravações realizadas na Espanha (com acordeon diatônico, clarinete baixo e zanfona em “O sol é grande”, poema musicado de Sá de Miranda) e em Portugal (guitarra portuguesa e viola de fado, em “Novamente”), países que o artista divide sua morada com o Brasil, onde alguns dos temas da seleção, como “Flores” e “Guanabara”, ultrapassaram o cercadinho reservado aos músicos acima da mediania rasteira, hoje vigente.

Entre os convidados, estão a cantora lusa Cristina Águas, Ney Matogrosso, Zélia Duncan, Renato Braz, Fred FerreiraLívia Nestrovski.

Trafegando por “Uma simples canção” a “Domingo e feriado”, “Poema velho”, “Terras do sem fim”, “Fora de hora” e “Sorvete”, Fred Martins centraliza o instrumental ao violão, acompanhado por Jessé Sadoc (trompete/flugelhorn), Marcelo Martins (flauta/sax), Fernando Caneca (violão tenor/ violão de aço), Janaína Salles (cello), Pedro Braga (guitarra/ Nashville tune), Victor Bertrami (bateria) e Alex Rocha (baixo).

Comentários

Divulgue seu lançamento