Música

Marina: Em Cena
Afinal, temos a Revelação de 2021?

terça, 02 de novembro de 2021

Compartilhar:

Mal fez 2 meses desde o lançamento do primeiro álbum da mineira Marina Sena e a repercussão ainda (ou já) é enorme. De Primeira, lançado em agosto de 2021, conquistou uma legião de fãs e bastante prestígio da crítica. Não à toa, a cantora está indicada no Prêmio Multishow desse ano em 4 categorias (3 delas no Superjúri, formadas e votadas por especialistas no mercado fonográfico): Experimente, Revelação, Canção do Ano e Álbum do Ano. No WME Awards também aparece mais de uma vez, nas categorias Revelação e Música Alternativa

A música Por Supuesto, inclusive, entrou na parada Viral 50 Global do Spotify ocupando a 3ª posição no fim de outubro. Talvez só as marcas expressivas alcançados por ela já falem por si só. Sem parecer saudosista e falar como gente mais velha que “hoje em dia tem muita coisa igual”, porque, de fato, buscar essas renovações e surpreender o público não é uma tarefa das mais fáceis. Contudo, Marina parece fazer isso com a tranquilidade de uma veterana.

Até aqui, ela apresenta uma obra bastante autêntica capaz de conquistar a pessoa mais implicante com a nova cena da MPB. E essa autenticidade começa na própria voz da cantora: uma voz aguda, nasalada, mas muito bem utilizada por ela. Há quem diga que precisa-se escutar mais de uma vez para se despir de preconceitos e amá-la, há quem diga que é 8 ou 80, ou vai amar ou vai odiar, mas, até então, quem consegue odiar?

Capa do álbum De Primeira, de Marina Sena

Seu primeiro álbum se mostra tão coeso, homogêneo, harmônico. As músicas se encaixam muito bem e trazem uma variedade um tanto quanto inteligente de estilos – do pop ao reggae, do reggae ao samba, do samba de volta ao pop. Quando você percebe, já escutou várias vezes seguidas sem se tocar que acabou e voltou para o início. E outro ponto importante a se pensar: qual seria melhor faixa do álbum? Me Toca? Por Supuesto? Tamborim? Difícil tarefa. Todas são ótimas.

O Prêmio Multishow acontece dia 8 de dezembro e o WME Awards dia 16 do mesmo mês. Não vai ser surpresa nenhuma se ela conquistar pelo menos uma dessas indicações. Se ela merece? Por supuesto que sim.



por Caio Andrade

Comentários

Divulgue seu lançamento